sábado, 20 de setembro de 2008

Poetrix

Marcia Szajnbok

Libertando

abri a janela e meu coração
cinza e frio foi-se embora
fazer o outono lá fora...

***
Múltipla escolha

se fosse possível voltar no tempo
cometeria novamente todos os erros -
exceto o de acreditar em acertos...

***
Desatento

estava em tua mão
me deixaste cair
partiu meu coração...

***
Preguiça

respingos de morte
que tempo de vida
desperdiça

imagem: Amanda Szajnbok de Faria - Luz e Sombra: Nuvens

Um comentário:

Esther disse...

Olá Marcia!

Adorei o seu blog!
Nada como transformarmos sentimentos em palavras..
É sempre muito bom encontrarmos pessoas sensíveis e amantes da poesia.

Beijos poéticos°